Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Professora da Unicamp ministra curso sobre planejamento experimental

Notícias

Professora da Unicamp ministra curso sobre planejamento experimental

Pesquisa

Ação compõe etapas de projeto de pesquisa do Campus Palmas
por Maiara Sobral publicado: 25/09/2017 08h19 última modificação: 25/09/2017 08h20

"Minimizar ensaios e produzir mais assertividade e confiabilidade nos resultados", esse é o principal objetivo da ferramenta estatística apresentada pela professora Maria Isabel Rodrigues, da Universidade de Campinas (Unicamp). Entre os dias 20 e 23 de setembro ela ministrou o curso Planejamento Experimental e Otimização de Processos para pesquisadores de diversas instituições tocantinenses, em especial, o Instituto Federal do Tocantins (IFTO).

A metodologia apresentada pela professora tem um diferencial pois reduz o número de ensaios e gera modelos com interpretação estatística, o que garante mais confiança à pesquisa. Os professores Giulliano e Sérgio Queiroz, do IFTO e da Universidade Federal do Tocantins (UFT), respectivamente, estão utilizando a ferramenta nos seus ensaios para finalização do doutorado.  

Em síntese, eles estão buscando tecnologias de tratamento do lodo das Estações de Tratamento Água (ETA),  segundo os pesquisadores, o uso da ferramenta Estatística de Delineamento de Experimentos (DOE) reduziu o número de ensaios de 1000 para 99.

Origem do curso

O curso surgiu do projeto: Caracterização da taxa de decomposição da matéria orgânica nos ecossistemas fluviais de cabeceira e sua interação com usos do solo e características físicas e hidrossedimentológicas nas microbacias hidrográficas do Ribeirão Taquaruçu Grande, Estado do Tocantins, coordenado pela professora Cláudia da Silva Aguiar Rezende.

A professora concorreu à seleção da Fundação de Amparo à Pesquisa do Tocantins (Fapt), por meio do Edital nº 16/2012 e Termo de Outorga nº 8/2014 e submeteu a proposta para realização do curso Planejamento Experimental e Otimização de Processos.