Você está aqui: Página Inicial > Notícias > IFTO promove VIII Seminário de Gestão de Pessoas

Notícias

IFTO promove VIII Seminário de Gestão de Pessoas

Servidores

Aposentadorias e Pensões marcam temática da programação
por Mayana Matos publicado: 05/11/2018 00h00 última modificação: 05/11/2018 10h44

Iniciou nesta segunda-feira, 5, e segue até o próximo dia 11, o VIII Seminário de Gestão de Pessoas do Instituto Federal do Tocantins (IFTO). O seminário tem como público-alvo os servidores que atuam na área de Gestão de Pessoas das unidades. Entre os objetivos, está o de alinhar e otimizar o trabalho realizado pelos profissionais da área. 

Nesta manhã, o evento contou com a presença do reitor do IFTO, Antonio da Luz Júnior, que na ocasião, ressaltou a importância da iniciativa para os servidores. "Trabalhar na gestão de pessoas não é apenas servir o outro, mas também nos servir, desde no dia a dia, no atendimento, até no planejamento das ações estratégicas. Temos discutido especialmente o sentimento que o servidor tem quando ele ultrapassa a linha do ativo para o aposentado: como isso passa na cabeça do servidor, como ele passa por esse processo. E é algo muito difícil porque não estamos nessa condição. E o que devemos fazer é nos colocar na situação do outro", disse. 

Antonio da Luz enfatizou a missão do IFTO quanto aos desafios referentes à aposentadoria dos servidores. "É uma temática desafiadora e muito desafiadora para nossa instituição que é uma instituição nova. Como preparar o nosso servidor para esse momento? Aplicar pura e simplesmente a legislação não é o nosso papel. Enquanto gestão de pessoas nosso papel é atender as necessidades das pessoas, aliadas aos objetivos institucionais e respaldadas, obviamente, na legislação", afirmou. 

A diretora de Gestão de Pessoas, Juliana Queiroz, desejou boas-vindas aos profissionais da área e reforçou a relevância das discussões propostas para esta edição do evento. "A temática desse ano ela não foi escolhida aleatoriamente. Já temos servidores que estão passando pelo processo de aposentadoria. É uma preocupação enquanto gestão de pessoas, visto que não é um processo simples. E a demanda vai aumentar. Precisamos nos preparar para esse momento não apenas quanto aos aspectos legais, mas que façamos uma reflexão para esse momento da aposentadoria com outro olhar. Existem outras facetas, que dizem respeito ao bem-estar do servidor, a saúde física, a saúde mental, ao sentimento de valorização. É um momento muito complexo e que exige cuidado. E no que diz respeito à recepção, ao acolhimento, a mediação de conflito, nós é que somos as principais referências. Somos responsáveis pelo cuidado com os servidores", declarou. 

A programação iniciou com a palestra "Aposentadorias e Pensões no Serviço Público", ministrada por José Afonso Pires. Entre os pontos abordados estão o regime jurídico único; benefícios sociais; conceitos; aposentadoria; pensões; espécies; procedimentos; comparação; distinção e diferenciação entre os sistemas (pré e pós-emendas). Mais detalhes da programação completa está disponível aqui