Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Estudantes da unidade visitam Parque Estadual do Lajeado

Notícias

Estudantes da unidade visitam Parque Estadual do Lajeado

Campus Avançado Lagoa da Confusão

A ação fez parte da disciplina de Silvicultura
por Mayana Matos publicado: 28/11/2018 10h00 última modificação: 28/11/2018 10h47

Estudantes do curso técnico em Agricultura do Campus Avançado Lagoa da Confusão, do Instituto Federal do Tocantins (IFTO), realizaram visita, no dia 21, ao Parque Estadual do Lajeado (PEL). O objetivo foi conhecer a área de produção e manejo das mudas florestais nativas e as áreas de restauração florestal da unidade de conservação. As atividades práticas fazem parte da disciplina de Silvicultura, ministrada pela professora Ana Paula Chiaverini, com apoio do professor Edmar Vinícius de Carvalho.

Na ocasião, os estudantes foram recepcionados pelo gerente do parque, Volnei Martinovski, e pelo biólogo Lyon Cardoso, que ministrou palestra acerca dos objetivos da unidade, desafios e perspectivas futuras. "A palestra foi muito informativa sobre os aspectos ambientais da unidade de conservação, com destaque para a metodologia de obtenção das mudas florestais nativas, e durante a palestra, os alunos puderam tirar dúvidas com uma interação muito proveitosa", disse a professora Ana Paula.

Durante a palestra, Lyon Cardoso comentou sobre os objetivos do Parque Estadual do Lajeado (PEL). "Proteger a fauna e a flora e os recursos naturais, em ordem a garantir o aproveitamento sustentado do potencial turístico”, afirmou. A equipe do campus conheceu o viveiro de mudas do PEL; detalhes de como é realizada a produção e manejo das mudas;  bem como uma área do parque que está em processo de restauração florestal. Os estudantes tiveram a oportunidade de verificar, na prática, etapas importantes que compõem um projeto de recomposição de áreas degradadas, conhecer melhor o tema e sanar dúvidas. 

Durante a visita, também foi realizada a trilha “Brejo da Passagem”, próxima ao viveiro de mudas do PEL, onde foram construídas três pontes e duas áreas para descanso, proporcionando mais segurança e comodidade aos visitantes. Ao final da visita, o guia Lyon levou os estudantes ao Mirante para contemplar a vista da área de preservação ambiental. "A realização da visita proporcionou aos alunos uma vivência na área de educação ambiental, mostrando a importância da unidade de conservação para a conservação dos recursos hídricos da região e do seu papel na conscientização ambiental", afirmou Ana Paula Chiaverini.