Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Confira o balanço sobre as atividades do evento

Notícias

Confira o balanço sobre as atividades do evento

7ª JICE

Jornada de Iniciação Científica e Extensão foi realizada no Campus Araguatins, entre os dias 19 e 21 de outubro.
por Maiara Sobral publicado: 24/10/2016 00h00 última modificação: 25/10/2016 18h05
Arquivo Institucional Durante a solenidade de encerramento, o diretor-geral do Campus Araguatins, Décio Reis, convidou os colaboradores da 7ª Jice e agradeceu o empenho e a dedicação de todos os envolvidos.

Durante a solenidade de encerramento, o diretor-geral do Campus Araguatins, Décio Reis, convidou os colaboradores da 7ª Jice e agradeceu o empenho e a dedicação de todos os envolvidos.

Com minicursos, oficinas, apresentações e palestras, a programação diversificada da 7ª Jornada de Iniciação Científica e Extensão (Jice), do Instituto Federal do Tocantins (IFTO), atraiu a participação de mais de 650 pessoas, entre estudantes, professores, técnicos administrativos e comunidade em geral. Entre os dias 19 e 21 de outubro, o Campus Araguatins foi palco de momentos importantes para consolidação dos eixos Pesquisa e Extensão no âmbito do IFTO e em todo o Tocantins.

 

A abertura da Jice foi realizada na noite do dia 19 de outubro. Na ocasião, foi ministrada uma palestra marcada pelas experiências da Equipe Jaguar, composta por estudantes e professores do Instituto Federal do Rio de Janeiro (IFRJ), que desenvolve projetos em robótica. O professor Helton Sereno, falou sobre os resultados obtidos pela equipe em eventos nacionais e internacionais, abordando a importância da participação dos estudantes em todas as fases dos projetos, além disso, destacou a troca de experiências e compartilhamento de conhecimentos durante as competições de robótica.

 

O segundo dia de programação da 7º Jornada de Iniciação Científica e Extensão (Jice), do Instituto Federal do Tocantins (IFTO), teve início com 18 atividades, entre minicursos, oficinas e workshops, oferecidas aos participantes no período da manhã, nas mais variadas áreas do conhecimento.

 

Já no turno da tarde, foram realizadas as seguintes Comunicações: Ética no uso de animais em pesquisa conduzida pelo professor Tiago Paim do IF Goiano; Interações formiga-planta na agricultura, professor Alessandro Oliveira do IFTO; Ética em pesquisa em Seres Humanos, Alexandre Baune do IFTO; Brucelose: riscos e prevenção, Marcos Vinicios da Adapec; ABC do Cerrado - Agricultura de baixo carbono, José Remir do Senar; A importância do Estágio Supervisionado, Lucinalva Ferreira do IFTO, Biomonitoramento da qualidade da água em rios: bases conceituais, legais e aplicação, professor Jessé Renan do IFTO.

 

Na programação vespertina, ocorreram também as palestras sobre: empreendedorismo, contribuição da ciência para evolução do sistema de produção de bovinos e um painel sobre pesquisa e extensão, que contou com a participação dos pró-reitores de Pesquisa e Inovação, Extensão e Ensino.

 

A manhã do dia 21, foi dedicada às apresentações de trabalhos, em dois formatos: pôster e oral. No total, 200 artigos foram expostos, sendo 150 na forma de pôster e 50 na modalidade verbal.

 

“O número de trabalhos apresentados demostra que a Jice se tornou um evento de referência estadual no que diz respeito à Pesquisa e à Extensão. Recebemos trabalhos de estudantes, professores e técnicos administrativos do IFTO, além de artigos enviados por pesquisadores de instituições externas, o que demonstra a credibilidade do evento”, destaca Marcus André Correia, coordenador da subcomissão de avaliação da 7ª Jice.

 

Já no período da tarde, foi realizada a solenidade de encerramento do evento, que começou com emocionante homenagem ao professor Francisco Filho, docente do Campus Araguatins, que faleceu prematuramente. O docente da unidade e amigo do homenageado, Wyratan Santos, falou da determinação do professor Francisco Filho para continuar os estudos, não se limitando às dificuldades financeiras e se tornando uma referência para os estudantes do Campus Araguatins.

 

Em seguida, o diretor-geral do Campus Araguatins, Décio Reis, agradeceu aos participantes da 7ª Jice. Na ocasião, enalteceu o empenho e a dedicação dos servidores e monitores que colaboraram com a realização do evento, ele lembrou que não se faz uma jornada como essa, sozinho, é preciso a união de todos os envolvidos.


“Nesta edição da Jice, especificamente, destaco que o grande sucesso de organização foi devido ao empenho e à dedicação da comissão de organização local. Que se mostrou engajada com o evento desde o início. Eles que fizeram a diferença nesta 7ª Jornada de Iniciação Científica e Extensão”, ressalta a coordenadora-geral do evento, Mariana Lima.

 

O pró-reitor de Pesquisa e Inovação, Augusto César dos Santos, comemorou o sucesso da Jice e parabenizou o Campus Araguatins pelo êxito em sediar o evento. Por fim, ele anunciou a sede da Jice em 2017, que será realizada no Campus Gurupi e entregou a placa do evento à representante da unidade, a relações públicas, Marcella Almeida.

 

Prêmio Jovem Cientista Francisco Filho

 

Os trabalhos apresentados durante a manhã desta sexta-feira, 21, foram divididos em três categorias: trabalho publicado, apresentação oral e apresentação em pôster, para efeitos de premiação.