Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Biblioteca João Paulo II realiza apresentação de serviços em Libras para estudantes surdos

Notícias

Biblioteca João Paulo II realiza apresentação de serviços em Libras para estudantes surdos

Inclusão

Iniciativa garante o acesso de estudantes surdos
por Eliane Vieira publicado: 29/05/2019 14h35 última modificação: 29/05/2019 16h18
Exibir carrossel de imagens Espaço e sistemas foram apresentados em Libras

Espaço e sistemas foram apresentados em Libras

No dia 11 de abril, a Biblioteca João Paulo II, do Campus Palmas, do Instituto Federal do Tocantins (IFTO), realizou uma apresentação na Língua Brasileira de Sinais (Libras) de todos os serviços ofertados para os estudantes surdos da unidade. O momento incluiu ainda treinamento no Terminal Web SophiA, por meio do qual os participantes receberam instruções de como consultar o acervo, fazer empréstimos, reservas, emissão do nada consta e outros serviços online oferecidos pela biblioteca.

A apresentação foi conduzida pela assistente em administração, Raquel Caixeta, que ressalta a importância da atividade. “Ter acesso aos serviços prestados pela biblioteca é direito de todo estudante do IFTO e também da comunidade a nossa volta. Esta apresentação em libras da biblioteca tem por finalidade tornar os espaços do setor, bem como os recursos disponíveis no sistema, conhecidos pelos nossos estudantes surdos. Esse é o primeiro passo para que eles possam desfrutar de todos os benefícios que a biblioteca pode proporcionar. Esperamos que todos se sintam a vontade e possam interagir conosco, a fim de melhorar nosso atendimento nesse quesito”, destacou Raquel.

Para coordenadora da biblioteca, Rosana Maria Corrêa, a atividade foi uma oportunidade de trabalhar a autonomia, acolher, aproximar e estimular a independência acadêmica dos estudantes surdos no âmbito da biblioteca do campus Palmas. Quem também destacou a importância do momento foi a interprete de Libras do Campus Palmas, Alini Albuquerque, “Quando conheci o projeto fiquei maravilhada. Essa ambientação dos alunos surdos é extremamente importante, porque sempre que necessitam de um atendimento os interpretes precisam acompanhar. Com certeza essa iniciativa fará a diferença na vida desses estudantes e para o nosso campus é um grande passo rumo à inclusão da Libras em todos setores”, frisou.

O estudante do Ensino Profissional Integrado ao Ensino Médio em Agronegócio, Vitor Ferreira de Souza, participou do momento e disse que a atividade surpreendeu. “Achei muito boa a iniciativa da biblioteca em fazer apresentação em Libras do espaço, na minha antiga escola não tinha interprete, nem mesmo esse tipo de trabalho. Achei um máximo, a atendente explicou tudo que estava com dúvidas”. Para a estudante do Ensino Profissional Integrado ao Ensino Médio em Eventos, Ana Luisa Santana, a experiência foi fantástica. “No incio até me assustei, achei que só os interpretes do IFTO sabiam Libras, mas quando vi a servidora da biblioteca explicando tudo em minha língua, achei fantástico”, ressaltou ela.