Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Acadêmicos do curso de Biologia realizam feira de ciências em escolas estaduais

Notícias

Acadêmicos do curso de Biologia realizam feira de ciências em escolas estaduais

Ciência

A atividade envolveu acadêmicos e cerca de 300 alunos do ensino médio de duas cidades do Tocantins
por Kelinne Guimarães publicado: 27/02/2018 10h59 última modificação: 27/02/2018 14h08

 Colaboração de Janaína Silva

Ensinar de forma dinâmica e divertida, por meio de experimentos, reações físicas, químicas e biológicas. Essa experiência foi vivenciada por 40 acadêmicos do curso de Licenciatura em Ciências Biológicas do Campus Araguatins, do Instituto Federal do Tocantins (IFTO), que promoveram a II Feira de Ciências, nas escolas estaduais de ensino médio, Genésio Gomes, no município de Praia Norte-TO e Colégio Estadual Buriti, no município de Buriti-TO, na segunda-feira, 26. As escolas foram escolhidas por sugestão dos próprios acadêmicos.

A feira teve, ainda, a participação de alunos dos 8º e 9º anos de outras escolas, totalizando um público de mais de 300 participantes. “O evento é importante por trazer uma novidade à escola, pois as experiências realizadas demonstram na prática a teoria da sala de aula”, ressaltou o diretor, Isaque de Sousa, do Colégio Estadual Buriti.

Já para professor Wilson Sanches, diretor da unidade escolar de Praia Norte, a Feira de Ciências é um evento de suma importância na formação dos alunos, despertando a sua curiosidade, além de enriquecer o universo do conteúdo que foi trabalhado em sala de aula.

“Enquanto acadêmicos, somos preparados diariamente para lidar com o ensino. E através de diversas metodologias, o ensino se torna cada vez mais compensador. Tudo isso se torna especial por meio da interação dos acadêmicos em formação com a comunidade escolar. Isso é possível graças à dedicação da coordenação do curso de Licenciatura em Ciências Biológicas e o trabalho conjunto dos professores e alunos, que são preparados para atender às demandas educacionais", declarou o acadêmico de Ciências Biológicas, Franciel Oliveira.

Segundo a coordenadora do projeto, professora Janaina Silva, a proposta nasceu da disciplina de Instrumentação para o Ensino de Biologia e tem como objetivo inserir os licenciandos no contexto escolar, mostrando a importância desse tipo de evento para o ensino-aprendizagem, além de despertar maior interesse dos alunos pela ciência.