Você está aqui: Página Inicial > IFTO > Reitoria > Pró-reitorias > Extensão > Projetos de Extensão > Por Área Temática > Meio Ambiente > Sustentabilidade Econômica e Ambiental na Mandiocultura Praticada por Agricultores Familiares do Assentamento NPA II

Sustentabilidade Econômica e Ambiental na Mandiocultura Praticada por Agricultores Familiares do Assentamento NPA II

por Diretoria de Comunicação - Vivian Facundes publicado 05/09/2019 10h27, última modificação 08/01/2020 09h26
Coordenado por Esdras Henrique da Silva Campus Colinas do IFTO.

Resumo

 Sustentabilidade economica e ambientalO trabalho visa avaliar a produtividade de mandioca obtida por agricultores familiares do assentamento NPA II, no Município de Colinas do Tocantins do, TO, e propõe soluções para garantir a sustentabilidade dessa atividade tradicional. Será feito o levantamento e visita a todos produtores de mandioca no assentamento. Esses agricultores receberão orientações técnicas sobre o processo do Trio da Produtividade da Mandioca. Haverá um dia de campo no Instituto Federal do Tocantins - Campus Colinas, com intuito de apresentar aos assentados a Unidade de Referência tecnológica (URT), e para troca de conhecimento e aperfeiçoamento sobre mandiocultura. Na oportunidade será ministrado um minicurso sobre a importância do plantio de manivas indexadas e vigorosas. Cada agricultor irá receber 200 manivas de mandioca, indexada e adaptadas a região,  para plantio e multiplicação em sua propriedade. Além das manivas, será doado 4 kg de feijão de porco para multiplicação e uso como adubo verde. Espera-se que com plantio de manivas sadias e adaptadas as condições edafoclimáticas da região e uso correto das técnicas do Trio de Produtividades haverá um aumento de mais de 50% da produtividade de raízes e a autossuficiente da produção de manivas para ampliação da área nos próximos anos.

Público Alvo

professores, técnicos administrativos, empresa terceirizada e alunos do nível médio ao superior e também é aberta a comunidade externa.

Período de realização

5/6/2019 a 5/1/2020.